Clipes & Singles: Semana 41/2013

Clipes & SinglesA partir de agora, o blog publicará, em toda sexta-feira, um resumo das músicas lançadas durante a semana. Então, para começar, confira os melhores e/ou mais importantes clipes e singles apresentados ao público entre os dias 5 e 11 de outubro de 2013.

Tyler, The Creator – Tamale

O líder do Odd Future é um cara divertido pra caramba. No vídeo de “Tamale”, penúltima faixa de “Wolf”, disco lançado no último mês de abril, Tyler mais uma vez polemiza com uma concepção maluca e críticas bem trabalhadas. Não à toa, Tyler se consagra em 2013 como um dos artistas mais comentados do ano, seja para o bem ou para o mal. O single (e seu respectivo vídeo) deve agradar quem já está familiarizado com a obra do músico, mas provavelmente causará estranheza a quem topa com sua música pela primeira vez.

Charlie Brown Jr. – Um Dia a Gente se Encontra

Chorão e Champignon foram duas das perdas mais sentidas pelo público brasileiro em 2013, mas nada impediu que o Charlie Brown Jr. lançasse o seu último álbum, “La Família 013”. Resultado do que os músicos falecidos vinham desenvolvendo antes da morte do vocalista e líder do grupo, o álbum já está disponível para ser ouvido por streaming ou para ser comprado via download. Demonstrando a sonoridade tradicional da banda, carregada de skate rock, “Um Dia a Gente se Encontra” é um “mais do mesmo”, mas deve servir como um consolo aos fãs saudosos. Concebido como uma homenagem à Chorão e Champignon, o clipe conta com a participação de nomes famosos, como Marcelo D2, Supla e Marcelo Nova.

Paris Hilton ft. Lil Wayne – Good Time

Sete anos depois, uma mesma tragédia volta a acontecer: Paris Hilton resolveu cantar. Em parceria com o rapper Lil Wayne, a socialite brinca mais uma vez de pop star com o clipe da música “Good Time”. Péssimo, como não poderia deixar de ser, o vídeo mostra Hilton tentando sensualizar com toda a falta de sinceridade do mundo, em uma canção que nem a aspectos comerciais consegue se prender: esse conceito de Europop já está fora de moda a alguns anos. A canção merece citação nesta seção do blog apenas porque se candidata como uma das piores de 2013 – o que não deixa de ser algo importante.

Lupe de Lupe – Os Dias Morrem

A boa banda mineira Lupe de Lupe lançará, no início de novembro, o EP “Distância”. Parte do registro, a canção “Os Dias Morrem” mostra uma continuação espontânea ao que havia sido apresentado em “Sal Grosso”, último e aclamado disco do grupo, alimentando os ruídos da instrumentação tradicionalmente suja do noise pop com um agradável acesso melódico. Simplório, o vídeo escancara um dia de folga, repleto de futebol, e deve fazer parte da chamada “Trilogia do Tédio”, criada pelo movimento “Geração Perdida de Minas Gerais”.

Poliça – Warrior Lord

Sintonia total entre as imagens e o som é o que propõe o novo clipe do Poliça. Através da sonoridade naturalmente atmosférica da canção “Warrior Lord”, o grupo norte-americano constrói recortes visuais do cotidiano de duas garotas, mais uma vez mergulhando fundo nos conceitos do R&B. Um dos projetos mais interessantes da atualidade, o coletivo (cujo título provém da língua polonesa, e não de um português caricato) demostra um crescimento contundente, que deverá ficar ainda mais claro com o lançamento do álbum “Shulamith”, marcado para o dia 21 de outubro.

AlunaGeorge – Best Be Living

“Body Music”, o disco de estreia dos britânicos Aluna Francis e George Reid, é um debuts mais interessantes do ano de 2013. Embebida por sons excitantes e batidas atraentes, mas sem se esquecer da importância de se tornar acessível, a obra não foi apenas elogiada pela crítica, como também começa a tomar os gostos do público. Faixa que provavelmente melhor compacta o sentimento pop nos rumos genuinamente inéditos da música do casal, “Best Be Living” é um single certeiro. Ambientado em um cenário inspirado no filme “Um Estranho no Ninho”, o clipe traz uma concepção divertida do sanatório, com Aluna Francis incorporando (da sua própria maneira) o personagem interpretado por Jack Nicholson no filme de 1975.

Far From Alaska – Dino vs. Dino

A maior surpresa positiva desta seção fica para a banda potiguar de metal Far From Alaska… Que som! Guitarras pesadas e impregnantes, um ritmo capaz de nos fazer recordar da melhor fase do Black Sabbath e um vocal feminino pra lá de poderoso. Visto a música “Dino vs. Dino”, com seu clipe perfeitamente instalado em um local inóspito, o grupo realmente promete muito: se a música brasileira está necessitando de uma nova grande banda de metal, o Far From Alaska parece se candidatar a tal posto. O primeiro álbum da banda, programado para os próximos meses, já começa a se tornar, não por acaso, um dos discos mais aguardados de 2014.

Camera Obscura – Troublemaker

Reviver o The Smiths e os anos oitenta; essa parece ser a proposta dos escoceses do Camera Obscura com o vídeo de seu novo single, “Troublemaker”. Naturalmente melancólica, a canção é a terceira faixa do competente “Desire Lines”, considerado por muitos como o melhor disco já lançado pela banda – de fato, as concepções do Camera Obscura sentem uma constante evolução. Delicioso, o clipe passeia por efeitos visuais tradicionais da década de oitenta, enquanto Tracyanne Campbell aloca sua sensível voz em uma bela melodia.

Albert Hammond Jr. – St. Justice

Em seu novo EP, o guitarrista dos Strokes, Albert Hammond Jr., mostra-se disposto a reviver a antiga sonoridade da banda. Como se servisse de alento aos fãs que criticam os rumos oitentistas tomados atualmente por Julian Casablancas, o trabalho revive o espírito dos clássicos “Is This It” e “Room on Fire” com acerto, mostrando, enfim, que Hammond Jr. não é o principal culpado pelo momento pouco inspirado do grupo. Representando o cotidiano íntimo de um casal, o vídeo da canção “St. Justice” deverá ser a única ação promocional do tipo para o já lançado “AHJ EP”.

Janelle Monáe ft. Miguel – PrimeTime

Deixando o melhor para o final, temos a espetacular Janelle Monáe em um ótimo dueto com Miguel no clipe de “PrimeTime”, uma das belas baladas que fazem parte do aclamado “The Electric Lady”, álbum lançado no último mês de setembro. Uma grande performer, que agrega todas as qualidades necessárias para uma grande artista, Monáe interpreta em seu novo vídeo a já conhecida androide Cindi Mayweathe, inserindo o clipe dentro do conceito estabelecido pelo disco.

Anúncios

2 opiniões sobre “Clipes & Singles: Semana 41/2013”

  1. Pode até ser uma análise precipitada, mas não consegui não pensar em “Trout Mask Replica”, em uma versão rap, quando ouvi essa “Tamale” do Tyler, The Creator (que, por sinal, não conhecia). Hehehe.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s